Review literária: Danças na Floresta e O Segredo de Cibele

Primeira review literária do blog :)

Eu adoro ler e nos meus anos recebo sempre alguns livros para minha grande felicidade. Estes dois foram presentes que abri logo à meia-noite de dia 3 e fiquei super agradecida aos amigos que mos ofereceram porque eu adoro Juliet Marillier mas ainda não tinha nenhum livro dela na minha colecção (já conhecia mas porque me tinham emprestado livros dela). Portanto terem-me oferecido dois, que eu ainda não tinha lido, foi o melhor início de aniversário que eu podia pedir. 

Danças na Floresta foi o primeiro destes presentes.


Ficha técnica:
Título: Danças na Floresta
Autor: Juliet Marillier
Ano: 2008
Nº de páginas: 336
EditoraBertrand
Sinopse: "Este livro da autora é inspirado no conto de fadas As Doze Princesas Bailarinas. É a história de cinco irmãs intrépitas, em luta com quatro criaturas sinistras, três misteriosos presentes mágicos, dois amantes proibidos e um sapo enfeitiçado. Há muitos mistérios na floresta. Jena e as suas irmãs partilham o maior de todos, um segredo fantástico que lhes permite escapar à vida diária nos campos da Transilvânia, e que mantiveram escondido durante nove anos. Quando o seu pai adoece e tem de abandonar o seu lar na floresta durante o Inverno, Jena e a sua irmã mais velha, Tati, ficam encarregues de cuidar da casa e das outras irmãs. O surgimento de uma misteriosa jovem de casaco preto faz nascer o amor numa das irmãs e, subitamente, Jena apercebe-se que tem de lutar para salvar aqueles que lhe são mais queridos. Acompanhada por Gogu , Jena tem de enfrentar grandes perigos para preservar não só as pessoas que ama, como também a sua própria independência e a da família."


Para começar a ideia de um livro inspirado n' As Doze Princesas Bailarinas cativou-me logo. A história destas cinco irmãs, Tatiana (Tati), Jenica (Jena), Iulia, Paula e Stela, é escrita com um toque verdadeiramente mágico que nos transporta imediatamente para o universo da história com uma mestria típica de Juliet Marillier. As criaturas que habitam o Outro Reino, a vida delas na Transilvânia tudo isto é maravilhosamente descrito. 
Eu adorei o enredo, acho que a história está muito bem conseguida, as personagens são cativantes, mesmo as secundárias, o que para mim é bastante importante. A narrativa escrita do ponto de vista de Jena é muito fácil de ler e a história flui naturalmente. Sinceramente, eu devorei-o e nem dei pelo tempo passar.  Recomendo-o imenso para quem gosta de livros de fantástico ou contos de fadas e quer algo leve mas capaz de proporcionar entretenimento literário de qualidade. 


O Segredo de Cibele, o segundo livro, é a continuação. 


Ficha técnica: 
Título: O Segredo de Cibele
Autor: Juliet Marillier
Ano: 2008
Nº de páginas: 368
EditoraBertrand Editora
Sinopse: "Paula viaja até Istambul com o seu pai em busca de um artefacto ancestral. O desejo que Paula tinha em descobrir o reino mágico onde vivera com as suas irmãs foi substituído por objectivos mais práticos: tornar-se comerciante de livros e manuscritos. No entanto, pistas e rumores acabam por convencê-la de que se encontra numa demanda fantástica e que a pessoa responsável por lhe ir dando essas pequenas suspeitas seja a sua irmã desaparecida, Tati. Puzzles, enigmas, testes de força e lealdade, lições sobre o amor, confiança e conhecimento - tudo isso surgirá na viagem de Paula, uma viagem onde o insucesso tem como preço a morte."

Este segundo livro é uma boa continuação do primeiro. Em termos de cenário há um contraste entre a animada Istambul e o ambiente mais natural da Transilvânia em que vivemos a primeira aventura. Passa-se seis anos depois e as personagens estão, naturalmente, mais velhas. A protagonista é Paula, a irmã mais erudita, e gostei de poder ler as coisas da sua perspectiva. Em termos de personagens, há que realçar o pirata português, Duarte Aguiar, que foi uma das minhas preferidas. A história continua a ter elementos da magia a que nos habituou o primeiro livro mas de uma maneira diferente o contacto é naturalmente mais ténue. Eu diria que este livro continua a ser para amantes de fantástico mas também para quem gosta de histórias com enigmas e conspirações à la Dan Brown. 

Eu adorei ambos os livros e estou muito contente por os ter recebido no meu aniversário. Proporcionaram-me umas tardes deliciosas esta semana. E vocês, de que género de livros gostam?


Mia

6 comentários:

  1. Confesso que não conhecia nenhum dos livros.
    Fiquei curiosa pois gosto deste tipo de leituras, vou procura-los.

    *hugs da Naipes*
    http://ladynaipes.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Para quem gosta deste tipo de leituras são o ideal :)
      Beijinhos

      Eliminar
  2. Por acaso nem conhecia!! Mas ainda hei de ler! :D

    http://mundodablue.blogspot.pt/

    ResponderEliminar